Pesquisar este blog

sábado, 28 de abril de 2012

De uma amiga

"Tudo estava bem
mas a porta abriu,
Mas ele entrou,
Mas ele sorriu.

Ela até achava
que dava pra se segurar,
que dava pra não sorrir,
que dava pra disfarçar.

Será...
... que alguém notou?
....que alguém viu?
... que alguém escutou?

Não sei,
Não importa,
Porque tudo mudou,
o mundo parou
quando ele abriu a porta."

(Sylvia Alves)

3 comentários:

Dilmar Gomes disse...

Muito bom o poema.
Um abraço. Tenhas um lindo fim de semana.

Jéssica Cunha disse...

Maravilhoso!


Visite o meu blog também:
http://enredodeideias.blogspot.com.br/2012/04/detalhe-escondido.html

Arte na parede disse...

Nossa, querida, amei ter meu poema publicado no seu blog, pra mim foi uma honra. E, obrigado por ter me dado inspiração para escrever algo assim, tão pueril, mas ao mesmo tempo tão sincero.

Nossa Playlist