Pesquisar este blog

sábado, 26 de maio de 2012

...

... E foi assim, tudo tão lindo. Foi como trazer à Terra as delícias que os anjos guardam. No teu corpo encontrei minha morada, no meu encontraste seu ninho; saliências e reentrâncias se encaixaram perfeitamente. E enxergar teus olhos brilhando no escuro era combustível pro meu coração bater mais rápido.

Nem nas minhas fantasias mais loucas eu poderia imaginar tanto desejo, afeto e atenção - e logo quando eu já não esperava mais nada da vida, nada mais de você. Eu pensei que era só eu, mas você também reconhecia que era muito maior que nós. Não adiantava mais fugir.

Seja o que for ou como for daqui prá frente, é o teu cheiro que carrego comigo, tua mão que sinto em mim, tuas palavras de amor que me constróem por dentro...

Shalom!



Nenhum comentário:

Nossa Playlist